Dianabol – Todas as informações, Efeitos Colaterais, Ciclos

Dianabol também conhecido como DBol, é um medicamento muito popular não só no Brasil como no mundo. Desenvolvido em 1956 nos Estados Unidos, a sua fórmula tem ganhado cada vez mais adeptos. Ele é um esteroide que tem uma proposta um pouco diferente dos que existem no mercado, o seu uso é feito por via oral através de tabletes, no lugar das injeções.

Os efeitos mais procurados por quem usa do Dianabol é o ganho de massa muscular e força. Outro nome pelo qual o medicamento é conhecido é o metandrostenolona. A sua popularidade se estende principalmente entre os praticantes de halterofilismo e atletas em geral, uma das principais razões para isso, é o fato dele ter sido um dos primeiros medicamentos feitos por substâncias da testosterona. Após a sua descoberta, outros produtos foram lançados no mercado, tendo a mesma base, a fim de conquistar o nicho de pessoas que já utilizavam o produto.

Para aqueles que estão pensando em utilizar o Dianabol, ou similares, é importante saber que ele é usado em ciclos, assim como outros anabolizantes, ou seja, é necessário adotar uma rotina de períodos determinados, na maioria das vezes, esse tempo é de seis semanas. Mas vale ressaltar que devido a sua versatilidade, o seu uso pode ser feito de outras maneiras.

Para os interessados em obter ganhos mais rápidos, são administradas pequenas doses diárias, nesse caso há um arranque de desempenho. Pode ser considerada a primeira maneira de ser usado. Já a segunda, é usá-lo entre ciclos de outros medicamentos para que os efeitos desses não se percam com o uso do Dianabol. Nesse caso a dose será bem menor que o primeiro. Mas vale lembrar que mesmo em doses pequenas, esse medicamento não é recomendado para as mulheres.

O principal efeito percebido pelos usuários do Dianabol é o aumento da força em treinos que passam a ter maior intensidade. Ele ajuda na construção dos músculos, gerando uma retenção do nitrogênio, fazendo com que os músculos pareçam maiores. Mas atenção, esse efeito se dá devido a retenção do líquido.

O consumo do Dianabol tem ação anti catabólica, o que faz com que o nível de cortisol diminua em até 70%. Esse medicamento não é recomendado para quem pretende perder peso, pois ele não é feito para queimar gorduras.

O uso do Dianabol precisa ser feito de maneira cautelosa, e para evitar maiores prejuízos ao organismo recomenda-se fazer uso também da Terapia Pós Ciclo – TPC. Para quem não conhece, ou não possui o hábito de usá-la, a TPC é realizada pelo uso de medicamentos específicos que ajudam a diminuir, ou acabar, com os possíveis efeitos negativos que o medicamento poderá deixar no seu corpo. Ou seja, será possível garantir que o organismo continue funcionando de maneira saudável, sem perdas de ganhos dos músculos. O ideal para quem pretende usar o TPC na sua rotina é criar uma tabela que ajudará na recuperação. Esse cronograma irá incluir o uso de remédios protetores e deve ser usada geralmente por seis semanas.

Assim como asteroides, o Dianabol possui algumas reações adversas que precisam ser levadas em consideração. São elas:

  • Produz enzimas tóxicas ao fígado;
  • Pode causar hipertensão e retenção de líquidos;
  • Acne;
  • Enfraquecimento do cabelo, podendo causar queda;
  • Possível acúmulo de gordura localizada;

Devido aos seus componentes, o medicamento deixou de ser produzido em grande escala, porém em alguns lugares outros produtos com os seus derivados podem ser encontrados, é o caso do Anabol e do Andoredan. Os seus efeitos são muito semelhantes ao Dianabol. Eles podem ser encontrados em lojas específicas de suplementos alimentares, e também pela internet em sites especializados no assunto. O preço varia de acordo com o produto, em média custa R$ 189,00, mas é bom ficar atento às promoções que podem aparecer em determinados momentos.

Os esteroides quando usados de maneira consciente pode ser um grande aliado na hora do treino, pois eles produzem algumas reações do organismo que ajudam atletas e pessoas comuns a manter um bom ritmo de treinamento, mas é fundamental levar em consideração alguns aspectos importantes, pois assim como outros medicamentos, eles precisam ser administrados com cautela. Saber os efeitos que produzem sobre o corpo e como amenizar esses problemas é sinônimo de uma vida mais saudável, aliando um corpo bem preparado e saudável.

 

 

 

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *